Criatividade

Como evitar o bloqueio criativo

Uma tela branca pode ser o seu pior inimigo.

Seja uma folha de papel, um documento no Word ou no Illustrator, não é rara a situação de precisar produzir algum conteúdo criativo e nenhuma ideia aparecer. Quase sempre causado pela ansiedade de se produzir algo novo e pelo posterior estresse de não conseguir inspiração para iniciar tal atividade, o bloqueio criativo é um fenômeno que atinge designers, escritores e artistas, porém pode acontecer com qualquer pessoa que precise desenvolver um trabalho que envolva a criatividade.

Existem diversas técnicas que podem te auxiliar quando esse momento acontecer, e uma delas é a criação de moodboards.

Também chamados de painéis de referências ou painéis semânticos, os moodboards servem para organizar e expressar visualmente a sua ideia utilizando imagens que exemplifiquem as características e os sentimentos que devem ser transmitidos pelo produto final, e, no nosso caso, promover o foco necessário para dar continuidade ao projeto.

A criação de um moodboard se inicia com a definição de seu objetivo. Seja para traduzir em imagens um conceito ou servir de inspiração, é importante ter consciência do fim ao qual esse moodboard se destina. Com isso em mente, inicie a busca por referências visuais que irão compor o moodboard. Neste ponto, o Pinterest pode ser o seu maior aliado, já que suas pastas permitem agrupar diversas imagens que podem ser visualizadas de maneira simples e rápida.

Num momento inicial, não seja muito rígido com relação a que tipo de referência será adicionada. Busque por palavras-chave que sintetizem os conceitos a serem transmitidos e adicione os resultados que forem mais relevantes ao seu projeto em uma nova pasta, que será o moodboard. A extensão de navegador Pinterest Save Button permite que você adicione links e imagens de fora do site Pinterest para dentro de sua pasta moodboard, portanto não se prenda somente às buscas de dentro do Pinterest.

Com o tempo, você pode perceber que nem todas as referências adicionadas são realmente relevantes e, neste momento, é importante editar o seu moodboard para que ele não tenha referências em excesso. É necessário que o moodboard seja conciso com o tipo de projeto que você está desenvolvendo, uma vez que referências em excesso podem causar um efeito contrário ao planejado, saturando de estímulos o processo criativo.

Quando se encontrar com bloqueio criativo, volte ao moodboard que você criou para buscar inspiração. Através de cores, fotografias ou tipografias adicionadas ao moodboard, será muito mais fácil para você transpor a barreira da página em branco quando se inspirar com as referências que traduzem as características daquilo que precisar criar.

E uma dica final: relaxe. A pressão para conseguir produzir algo pode ser um grande inimigo, portanto, quando se encontrar com bloqueio criativo, tente fazer outra coisa para se distrair. Tome um café, brinque com seu bichinho de estimação, vá comprar um doce na padaria. Quando você voltar, seu moodboard ainda estará aguardando para auxiliá-lo nas suas tarefas. 🙂

Leonardo de Souza faz parte da Pyx Network, rede colaborativa formada por jovens inquietos, curiosos e apaixonados pelo que fazem. Nosso propósito é inspirar pessoas e organizações a serem quem são.

Comentários (0)

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

×
Ei! Se precisar de algo, estamos aqui pra te ajudar! :)